Nesta terça (07), os gestores municipais  consorciados ao COMANAS (Consócio da Mata Norte e Agreste Setentrional) escolherão o novo presidente da Instituição para o próximo biênio. 

A eleição acontecerá na sede do COMANAS, a partir das 8h seguindo até as 16h. Estava previsto um bate chapa entre o prefeito de Tracunhaém, Belarmino Vasquez, que já presidiu o órgão, e o prefeito Marcelo Gouveia de Paudalho. Porém houve um entendimento interno e será chapa única comandado por Gouveia. 

Com essa eleição, Marcelo será o terceiro prefeito de Paudalho a comandar o COMANAS. Que atualmente é presidido pelo prefeito da cidade de Camutanga, Armando Pimentel (PSB).
.

Anúncios

Foi desconcertante para dizer o menos a atitude do presidente Lula no velório de sua esposa Marisa.

Logo depois que recebeu a solidariedade de todos os líderes políticos, independente de siglas partidárias, Lula não entendeu o recado dos que agiram com boas maneiras e educação.
 

Aproveitou o momento do sepultamento de Marisa para fazer um discurso político, atacar a Lava Jato e desafiar a justiça anunciando que não tem medo de ser preso.

Triste e vexatório acontecimento. Mais um ponto negativo para um ex-presidente acusado de comandar uma operação administrativa e política que levou o Brasil ao fundo do poço.

Totalmente sem noção

Por Terezinha Nunes, deputada estadual pelo PSDB de Pernambuco.

Em encontro hoje (27) na Secretaria de Defesa Social, o prefeito do Paudalho, Marcelo Gouveia (PSD) encaminhou algumas demandas e propostas ao Secretário de Defasa Social do Estado Antônio Gioia, sobre a realidade da cidade. 

Foi solicitado ao Secretário uma atenção especial ao Município do Paudalho por conta do aumento de 73% homicídios entre os anos de 2014 e 2017 em relação aos anteriores, na ocasião Marcelo Gouveia apresentou a demanda de uma Patrulha do Bairro para cidade e um reforço através de motos, tendo em vista que o município só conta com duas patrulhas motorizadas, Gouveia também frisou a necessidade do aumento do efetivo de Policiais Militares em Paudalho.

Gouveia também propôs um convenio firmado entre a Prefeitura Municipal do Paudalho e o Governo do Estado de Pernambuco, via Secretaria de Defesa Social, aonde vai se criam um programa perecido com o PJES (Jornada Extra) que teria o intuito de reforçar o policiamento nos dias de acontecimento de mais crimes, como roubos e homicídios.

Na ocasião Marcelo Gouveia, também solicitou a seção por comodato da Escola Rachel Germano (ERGAL) para sediar o funcionamento provisório do Colégio Municipal de Guadalajara (CMG) até que inicie o andamento e conclusão do novo CMG de Guadalajara.

O ministro da Educação Mendonça Filho formalizou, nesta segunda-feira(23), a liberação de recursos para os Campi de Petrolina, Nazaré da Mata e Caruaru da Universidade de Pernambuco. Ao todo foram destinados pelo Ministério da Educação através do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE, R$980.000,00 para obras de urbanização e melhorias nas instalações das unidades. A reunião, realizada no escritório do MEC, no Recife, contou com a presença do reitor da UPE, Pedro Falcão. “Nos colocamos à disposição da UPE para ajudar no desenvolvimento de ações na universidade e na avaliação de projetos que beneficiem professores e alunos”, garantiu o ministro.Em Petrolina serão executadas as obras do espaço de convivência do campus da UPE, que possui 3.148 alunos  de graduação e pós graduação e 1.148 alunos em sua Escola de aplicação. O espaço de convivência será construído como um ponto de encontro, local de promoção de eventos.

Em Nazaré da Mata o convênio entre o Ministério da Educação e a UPE vai garantir a execução da obra do estacionamento da unidade. O projeto vai suprir uma antiga demanda do Campus e possibilitar o estacionamento dos ônibus que transportam estudantes e professores dentro da Universidade.

Já em Caruaru, as obras pactuadas com o MEC vão garantir obras de urbanização que vão garantir segurança aos mais de 8.250 alunos, 340 professores e 130 funcionários distribuídos entre os 37 cursos de graduação. 

O ministro da Educação Mendonça Filho formalizou, nesta segunda-feira(23), a liberação de recursos para os Campi de Petrolina, Nazaré da Mata e Caruaru da Universidade de Pernambuco. Ao todo foram destinados pelo Ministério da Educação através do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE, R$980.000,00 para obras de urbanização e melhorias nas instalações das unidades. A reunião, realizada no escritório do MEC, no Recife, contou com a presença do reitor da UPE, Pedro Falcão. “Nos colocamos à disposição da UPE para ajudar no desenvolvimento de ações na universidade e na avaliação de projetos que beneficiem professores e alunos”, garantiu o ministro.

Em Petrolina serão executadas as obras do espaço de convivência do campus da UPE, que possui 3.148 alunos  de graduação e pós graduação e 1.148 alunos em sua Escola de aplicação. O espaço de convivência será construído como um ponto de encontro, local de promoção de eventos.

Em Nazaré da Mata o convênio entre o Ministério da Educação e a UPE vai garantir a execução da obra do estacionamento da unidade. O projeto vai suprir uma antiga demanda do Campus e possibilitar o estacionamento dos ônibus que transportam estudantes e professores dentro da Universidade.

Já em Caruaru, as obras pactuadas com o MEC vão garantir obras de urbanização que vão garantir segurança aos mais de 8.250 alunos, 340 professores e 130 funcionários distribuídos entre os 37 cursos de graduação.